Bordas Híbridas - Parque del Lago 2009 Quito, Equador

Arquitetura Urbanismo Design

Rio de Janeiro

Brasil

campo@campoaud.com.br

+55 21 3233-1581

Bordas Ativas / Atividades Intersticiais Plano Geral Conexões Metropolitanas Tensões Contextualização Malha adaptável Fases Colonização Gradual da Infra-estrutura Vastidão Excepcional Linearidade Monumental Implantação Participativa Lagos, Piscinas e Filtros Taxonomia da Paisagem Vista Geral Centro de Convenções e Negócios Praia Lagos Eixo Central / Antiga Pista de Pouso Filtro Natural / Piscinas Térmicas
Bordas Híbridas - Parque del Lago

Quito, Equador

O Parque del Lago não é um mero desafio de paisagismo. Sua escala não nos permitiu que reduzíssemos sua problematização para lidar com um simples parque urbano. Este novo território é uma entidade metropolitana e, por isso, sua anatomia deve promover diferentes tipos de adaptação e transformações: urbanas, naturais e arquitetônicas. A repentina ausência do aeroporto deixará um hiato na malha urbana que necessita ser cuidadosamente recosturada. Desta forma, o conceito fundamental do parque baseia-se na transformação de suas bordas em espaços púbicos lineares que não conectam o parque em pontos específicos, mas multiplicam suas possibilidades de entrada e conexões. Como um "calçadão" metropolitano, as bordas do parque se tornarão um novo espaço público relevante na cidade de Quito e terão suas qualidades desdobradas para o interior do parque, ativando diferentes usos e ambientes. O desdobrar das bordas cria uma malha permeada por superfícies de tensão, onde os diferentes programas e equipamentos do parque estão localizados.

data do projeto: 2009

data da construcao: ---

parceiros: InLoco

consultores: ---

fase: Concurso Internacional

cliente: Municipalidad de Quito

prêmio: ---